Frequência de masturbação

Anónimo

27 de Janeiro de 2009 ás 11:17

A masturbação diária não é aconselhável? ontem a drª disse-me,que a masturbação excessiva não fazia mal nenhum,pelo contrário,mas como já lhe disse,não namoro agora e,sentindo necessidade de ter sexo.  compenso com a masturbação,porque sinceramente me sabe muito bem, tenho é receio de me habituar de tal forma,que psicologicamente, isso possa trazer algum problema a esse nivel,gosto de sexo mas prefiro isto do que tentar arranjar qualquer mulher,para poder fazer sexo,já agora é normal,como nunca perguntei a ninguem,nem á minha médica de familia,no meu caso,se me masturbar diariamente sai uma determindada quantidade de esperma,se tiver 3 ou 4 dias,e depois o fizer,sai muito mais esperma que o habitual,isto terá alguma lógica?e noto os testiculos muito mais pesados,isto terá mesmo lógica?eu até tenho receio de se tiver uma semana sem me vir,que isto possa acumular,e trazer algum problema,neste caso fisico. obrigado.este tipo de iniciativa é óptimo,porque assim tiramos muitas dúvida,e não temos de pagar consultas caras sem nexo.

Boa Tarde,

A masturbação faz parte da vida sexual de qualquer homem, seja em que idade for. É uma forma positiva de se sentir prazer. Na adolescência, tem como função procurar conhecer melhor o corpo do jovem, bem como as sensações que tem ao efectuar a masturbação.

A frequência da masturbação não é importante, pode ser praticada uma vez por semana, 4 vezes ao dia… não faz diferença pois não tem nenhum tipo de consequência. Este acto, serve também para que homem aprenda as sensações ejaculatórias, em que momento são, de que forma são…

A única desvantagem da masturbação é em casos, considerados extremos, em que o homem só sente prazer através da masturbação e não sente prazer nem necessidade de ter relações sexuais com outros parceiros. Nestes casos o homem poderá vir a precisar de ajuda especializada para deslocar o seu prazer para uma relação a dois.

No que diz respeito ao volume do ejaculado, o seu valor médio é de 3 ml. Podendo oscilar de 2 ml a 6 ml. A quantidade de esperma que é expelida durante uma ejaculação, vai depender da frequência de masturbação e ou relações sexuais. Quanto maior for a frequência de masturbação, provavelmente o volume ejaculado será menor, muito embora o nível de excitação também tenha a sua importância, pois quanto mais excitado estiver o volume poderá ser um pouco maior.

Se estiver em período de abstinência sexual isso não irá trazer problemas de maior, porque os testículos produzem os espermatozóides, e estes vão-se acumulando nos epidímios, canais diferentes, e a certa altura, é enviada uma mensagem para o cérebro do homem a indicar essa “acumulação”, e normalmente é durante a noite que acontece essa libertação, que muitas vezes é acompanhada de um sonho erótico. Por isso não fique preocupado se não mantiver a masturbação durante uns dias, porque o que estiver acumulado irá acabar por sair por si só. Estas situações acontecem na sua maioria na fase da adolescência, mas também acontece em fases adultas.

Fique tranquilo com todas estas questões, porque são todas naturais, e a seu tempo sentirá vontade de partilhar o seu desejo sexual com alguém e nesse momento perceberá que o prazer através da relação sexual é muito diferente daquele que é obtido pela masturbação.

QUINTA-FEIRA, 29 DE JANEIRO DE 2009