Desconforto sexual

Anónimo

5 de Janeiro de 2009 ás 22:57

Tenho 19 anos e namoro há 2 com o rapaz com quem iniciei a minha vida sexual. Das primeiras vezes que tivemos relações com penetração era um sofrimento para mim.  Ardia-me imenso e doía-me mesmo tendo havido estimulação anteriormente e eu me sentir excitada. Actualmente há vezes que ainda me arde bastante mas a nossa preocupação é o facto de eu nunca ter tido qualquer tipo de prazer com a penetração. Muitas vezes chego a faze-lo mais pelo meu parceiro. Gostava muito de ter uma vida sexual plena e de saber o que poderei fazer ou se terei algum tipo de disfunção.

Boa Tarde,

Agradecemos a sua questão.

O que nos refere pode ser considerada uma disfunção, mas é uma disfunção natural para a sua idade e tempo de experiência sexual. Por nos referir, que desde sempre houve um certo desconforto (ardor), ponderamos a questão, se desde essa altura recorreu a um especialista de ginecologia para ser observada?

Estes desconfortos aquando a relação sexual, podem ser motivados pela contaminação de bactérias / fungos na flora vaginal, e podendo reflectir-se num ardor após a relação sexual propriamente dita, muito embora também possa ter como causa, a falta de lubrificação para a proteger dos movimentos de fricção que a penetração contém, e nesse caso irá provocar também o desconforto que nos revela.

Recomendo que comprem um gel lubrificante à base de água, que pode ser encontrado em qualquer farmácia, de forma a ser colocado antes e durante a relação sexual, para ajudar na lubrificação local, pois assim aumentará a sensibilidade durante a relação sexual, podendo assim promover um maior prazer. Procure conhecer melhor o seu corpo e as zonas que considera sentir maior prazer e indique como gosta mais de ser estimulada ao seu parceiro, por vezes, os parceiros estimulam de uma forma que ponderam ser a mais correcta mas a mulher tem de ter a palavra final, aceitando ou não as estimulações efectuadas e recomendar o toque e caricias em locais que mais gosta.

Considero imperativo que marque uma consulta na ginecologia para exame de rotina, para que também possa ficar mais tranquila relativamente ao seu estado de saúde geral.

QUINTA-FEIRA, 8 DE JANEIRO DE 2009